sábado, 21 de agosto de 2010

SEI NÃO

Ilusão perfeita ilusão
Nada é de concreto
É tudo só imaginação

Aonde anda Vinícius
Sei não, sei que o ouvia
Na noite de outrora então

A gente se mata
De tanto viver pra quê
Afinal é só confusão

A gente se vai
E fica sem volta
Na mesma ilusão

Sei não!


Romário Nogueira

Um comentário:

  1. também sei não,mais sei que poeta igual a vc eu guardo dentro do coração.

    ResponderExcluir